+55 (41) 3107-3344

|

+55 (41) 99137-1831

|

@ibrafe.org

Título da Notícia

Produção da primeira safra de Feijão assusta
05.12.2018

Produtores paranaenses perguntam se é o caso ou não de aceitar as ofertas abaixo de R$150 que começam a receber. Ocorre que a qualidade da safra do Paraná é inferior quando é comparada com o produto colhido sob irrigação no estado de São Paulo. No Paraná predominam variedades como Campos Gerais e, com clima que não colaborou com as primeiras áreas plantadas, a produtividade está comprometida, bem como o tamanho do grão. Por outro lado, ao perceber o que está ao seu redor, as lavouras são consideradas medianas em termos de desenvolvimento, a área total plantada na primeira safra do Paraná está entre as menores da história e, ainda, se não bastasse isso, a área total do Brasil pode ficar abaixo da área da primeira safra plantado em 2015/16, a menor da história. Tudo isso desperta a dúvida se não seria melhor esperar para vender.
O Feijão mais procurado é o que mais se colhe na região de Castro e de Ponta Grossa, o Feijão nota 8. Até o início da próxima semana, os associados do IBRAFE receberão os números da primeira safra.

 

Fonte: IBRAFE

Guia de
Empresas

Escolha aqui seus parceiros de negócio e conheça as mais inovadoras empresas do setor Feijoeiro.

Saiba Mais

Notícias
Relacionadas

Negócios reportados

Negócios reportados
18.06.2019

Ler Mais
Produtores poderão esperar para vender

Produtores poderão esperar para vender
18.06.2019

Nunca houve tamanha possibilidade de comunicação entre os produtores e entre os compradores. A disponibilidade de contato tem favorecido ao mercado? Provavelmente...

Ler Mais