+55 (41) 3107-3344

|

+55 (41) 99137-1831

|

@ibrafe.org

Título da Notícia

Os benefícios das leguminosas e por que elas precisam ficar de molho
23.05.2022

As leguminosas (feijões, lentilha, grão-de-bico) são muito bem-vindas em uma alimentação saudável, especialmente para quem busca emagrecer. Esses alimentos estão entre as principais fontes de proteína vegetal e oferecem muitas fibras, por isso, ajudam a garantir saciedade.

Seu consumo regular reduz a ingestão de alimentos ao longo do dia e contribui com a perda de peso. Mas, lembre-se, nenhum alimento sozinho faz milagre —ninguém emagrece comendo lentilha com batata frita e milk shake. Para reduzir a gordura corporal, o mais importante é manter o equilíbrio e seguir uma alimentação repleta de produtos naturais: verduras, legumes, frutas, leguminosas, carnes, ovos.

De acordo com especialistas ouvidos por VivaBem, para eliminar o risco dos indesejáveis gases após o consumo de leguminosas, elas devem ficar de molho por 12 horas antes do cozimento. De preferência, troque a água duas vezes nesse período de tempo.

O chamado remolho vai muito além de acabar com os gases, como explicou Tarcila Campos, nutricionista do Centro Especializado em Obesidade e Diabetes do Hospital Oswaldo Cruz, na reportagem de VivaBem.

“Ele também ajuda a eliminar alguns componentes antinutricionais (os fitatos, por exemplo), que são substâncias que acabam se ligando a alguns nutrientes, como ferro e cálcio, e impedem que esses elementos sejam absorvidos pelo corpo”, afirma. Portanto, deixar as leguminosas de molho permite que o organismo aproveite melhor as vitaminas e minerais presentes nesses grãos.

Varie as leguminosas no seu cardápio semanal e colha os benefícios desses alimentos. Bom apetite!

Fonte: https://www.uol.com.br/vivabem/dietas-para-emagrecer/semanas/os-beneficios-das-leguminosas-e-por-que-elas-precisam-ficar-de-molho.htm

Notícias
Relacionadas

Boletim Técnico: Alternativas à Dessecação Química do Feijão-Mungo Sendo Usado na Austrália

Boletim Técnico: Alternativas à Dessecação Química do Feijão-Mungo Sendo Usado na Austrália
29.06.2022

Por Fernanda Chemim, Eng. Agrônoma, IBRAFE Na Austrália, onde se produz o Feijão-mungo da melhor qualidade do mundo, os produtores estão interessados na...

Ler Mais
Produtores do Paraná trocam feijão carioca pelo preto

Produtores do Paraná trocam feijão carioca pelo preto
29.06.2022

Independentemente da cor, qualidade e produtividade devem cair em função das questões climáticas como chuva e geada. Maior produtor de feijão do Brasil,...

Ler Mais