Clube Premier preparado para o mercado

Por: IBRAFE,

26 de fevereiro de 2024

Responsive image

À medida que o mês de fevereiro se aproxima do fim, a tensão aumenta entre os produtores de Feijão. Aqueles que ainda possuem estoques do ano anterior estão particularmente atentos, assim como os que estão começando a colher agora. É um período crítico, onde a experiência conta muito. Os produtores mais astutos não perdem um negócio sequer; estão sempre conectados, acompanhando cada oferta e negociação pelo WhatsApp do Clube Premier. Essa vigilância é o que possibilita decisões mais acertadas em um mercado tão volátil.

No varejo, a situação é diversa. Algumas regiões apresentam uma demanda mais robusta, enquanto outras permanecem mornas. O Brasil, com suas dimensões continentais, apresenta um mosaico de mercados locais. Em certas áreas, marcas nacionais são escassas, e os varejistas privilegiam as regionais, o que pode alterar significativamente a dinâmica do mercado em algumas regiões mais do que em outras.

Esta semana, todos os olhos estão voltados para o Paraná. Espera-se um relatório detalhado sobre o progresso do plantio e o desenvolvimento das lavouras, um indicador chave para prever a oferta futura de Feijão. E na sexta-feira, às 11 horas, o Clube Premier realizará um encontro online imperdível para os envolvidos no mercado. Será uma oportunidade para analisar não apenas o abastecimento atual, mas também para discutir os impactos das recentes reuniões na Índia e da missão comercial ao México, que será realizada nos dias 09 a 15. Esses eventos internacionais podem trazer novidades que influenciarão diretamente o mercado interno.

Especificamente, vamos examinar como as variedades de Feijão Mungo, Rajado, Preto e Caupis estão posicionadas no mercado e como isso afeta o Feijão-carioca. As informações compartilhadas na reunião do Clube Premier serão exclusivas e poderão oferecer insights valiosos para navegar com sucesso no complexo mercado de Feijão.

Mais
Boletins

Produtor que ganha acompanha de perto o mercado
24/06/2024

Consumo de Feijão-preto surpreende no Nordeste
21/06/2024

Mesmo com Nordeste em festa mercado segue firme
20/06/2024

Feijão no Mercado de Varejo: Uma Análise
19/06/2024

Feijão-Carioca cada região uma situação diferente
18/06/2024