Se perdemos tanto Feijão com o clima, por que o preço está abaixo de um ano atrás?

Por: IBRAFE,

24 de janeiro de 2024

Responsive image
Esta é a pergunta que está sem resposta para muitos produtores e comerciantes. Podem existir diversos pontos de vista, mas o mais lógico para mim é que todos sabiam da quebra e, inclusive, os supermercados trabalharam mais estocados nesta virada do ano e início de janeiro. Desde sempre, temos demonstrado no Clube Premier, um grupo de produtores e comerciantes profissionais do Feijão, que existe quebra sim, mas a maior parte do Feijão dessa primeira safra estaria concentrada no mês de janeiro. Se você faz parte do Premier, veja abaixo deste comentário o fluxo esperado até o mês de maio de 2024. 
 
Assim, dá para saber quando será o momento crítico em que os preços estarão acima dos praticados em janeiro. Não há como ter uma estratégia lucrativa sem ter esta informação. É fundamental prestar atenção nos fluxos mensais de estoque e consumo para entender onde estamos e para onde vamos em termos de tendências de preço. Você não precisa ficar à mercê do preço acertar você, mas você pode ter as rédeas na mão e acertar o preço ou seja,  o melhor momento no seu caso, para vender. Outro fato que pode ser levado em conta é que mesmo a...

Mais
Boletins

Cooperativas se reúnem para debater o Feijão.
25/04/2024

Feijão-preto indo para ração animal
24/04/2024

Primeira safra teria sido mais lucrativa para Feijão-preto
23/04/2024

Preços atrativos motivam mais negócios
22/04/2024

Exportação já beneficia o setor e produtividade tem toda atenção
19/04/2024