Consumo de Feijão-preto surpreende no Nordeste

Por: IBRAFE,

21 de junho de 2024

Responsive image
Apesar do clima e de outros contratempos, a grande maioria dos produtores de Feijão-preto no Paraná obteve resultados satisfatórios dentro das condições deste ano. É fato que quem passava pelo interior durante o desenvolvimento da cultura via plantações como nunca antes. A área realmente indicava um volume de 170.000 a 180.000 toneladas a mais do que o total colhido em 2023. Após o período de colheita, observou-se que muito Feijão-preto foi comercializado e consumido no mercado interno. Muito disso em regiões como o Nordeste que vem nos últimos anos desenvolvendo o hábito de consumo deste Feijão.                                                                                    
Alguns empacotadores que atuam com volume expressivo compraram um pouco mais do que o habitual, especialmente porque houve momentos de preços muito abaixo dos R$ 200 por saca de 60 quilos. Até o momento, cerca de 16 mil toneladas foram exportadas. No entanto, com os preços agora em torno de R$ 250 para o produtor, o volume de negócios...

Mais
Boletins

Produtores buscam compradores
16/07/2024

Mercado segue com acelera e freia
15/07/2024

CONAB superestima a safra de Feijão deste ano
12/07/2024

Depois de uma terça-feira agitada voltou a calma no mercado
11/07/2024

Compradores mais ativos nesta semana
10/07/2024