Trem tá feio, tá punk

Por: IBRAFE,

12 de janeiro de 2024

Responsive image

Depende da idade, a expressão muda, mas o significado é o mesmo. A angústia que é sentida nos contatos dos produtores será em breve compartilhada com o restante dos brasileiros. A inadimplência já está aparecendo em revendas e cooperativas; sem a colheita, não há como pagar todas as contas. A situação é ofuscada pelos debates sobre as perdas da soja; enquanto isso, no mundo do Feijão, não há o que fazer, a não ser emprestar ouvidos solidários.

Já os cerealistas do Paraná observaram que, durante esta semana, os compradores de grandes empresas não estiveram ativos. Algumas das empresas de maior porte realmente não voltaram às compras. Se sem eles o mercado se manteve com cotações valorizadas, o que pode ocorrer quando voltarem? A resposta é óbvia. Portanto, ao que tudo indica, este é...

Mais
Boletins

Cooperativas se reúnem para debater o Feijão.
25/04/2024

Feijão-preto indo para ração animal
24/04/2024

Primeira safra teria sido mais lucrativa para Feijão-preto
23/04/2024

Preços atrativos motivam mais negócios
22/04/2024

Exportação já beneficia o setor e produtividade tem toda atenção
19/04/2024